29 de mar de 2012

Olhos fechados

Quero apenas te ver.                     
Ver e velejar em teu corpo.           
Juntos, como mar e sol no poente.



16 de mar de 2012

Sem sal e com zero açúcar


Não me refiro a dietas,
Nem ao corpo atlético.
Não cura o hipertenso,
Nem alivia o diabético.

É mais que paladar,
Bem mais que modelar.
São os sabores da vida
Que quero questionar.

Cadê o doce carinho?
E o romance ardente?
Por que o humor ácido
Força tanto a mente?

Tomo minha coca zero;
Uso shampoo sem sal.
Mas a pura verdade
É que dissabor faz mal.


2 de mar de 2012

Cansaço

Andei, sentei, deitei na trilha.
Sou pedra, obstáculo, suicida.
Sou um caminho de formigas.